Português (BR)
English
Deutsch
Español (América Latina)
Français
Eesti
Español (España)
Italiano
Japanese (日本語)
Korean (한국어)
Nederlands
Norsk
Polski
Русский
Suomi
Svenska
Türkçe
Chinese (繁體中文)
Log in

Os 13 maiores benefícios de usar o e-mail marketing

Seja o seu objetivo aumentar as vendas, expandir sua base de leads ou se engajar com seus clientes, realizar campanhas de e-mail marketing é primordial.

De acordo com a DMA e Litmus, em 2019, o ROI (retorno sobre investimento) das campanhas de e-mail marketing era de US$ 42 a cada US$ 1 dólar investido. Porém, quando falamos sobre esse tipo de ação, nem tudo gira em torno de receita.

Isso porque as campanhas de e-mail marketing bem-sucedidas podem nutrir leads e transformá-los em clientes, gerar reconhecimento para a sua marca e aumentar o tráfego do seu site.

Este artigo é justamente sobre todos esses benefícios! Nele, vamos mostrar o que é e-mail marketing, quais seus benefícios e qual a diferença dele para outros canais de marketing.

Vamos nessa?

Índice


O que é e-mail marketing?

O e-mail marketing é uma forma de engajamento direto por e-mail com os clientes e leads. Ao contrário de outras formas de marketing, como anúncios, o e-mail marketing é um canal “opt-in”, pois os destinatários da sua lista de contatos precisam se inscrever para receber o seu conteúdo promocional.

Os e-mails de marketing têm dois propósitos principais: promover ou informar.

E-mails de marketing informativo visam educar os clientes sobre a sua marca, produtos, serviços ou o trabalho da sua empresa. Por exemplo, e-mails informativos incluem:

  • E-mails de boas-vindas agradecem o destinatário por se inscrever na sua lista de contatos e podem fazer parte de uma sequência para converter o leitor em cliente.

  • E-mails informativos contêm novidades sobre seus produtos e serviços mais recentes, além de notícias e atualizações sobre a sua empresa

  • E-mails sobre marcos da empresa informam os destinatários sobre grandes mudanças na sua marca (como troca de CEO ou uma aquisição)

  • E-mails com brindes oferecem aos destinatários conteúdo gratuito, como e-books, vídeos ou podcasts

E-mails de marketing promocional visam vender produtos e serviços para os clientes. Por exemplo, e-mails promocionais comuns incluem:

  • E-mails com ofertas presenteiam os clientes com um desconto ou anunciam promoções futuras

  • E-mails de evento significativo oferecem aos clientes ofertas especiais para celebrar marcos ou datas importantes (como aniversário do cadastro na lista de e-mails)

  • E-mails sobre novos produtos ou serviços apresentam novos produtos para os clientes

  • E-mails de carrinho abandonado são mensagens de nutrição de vendas que você envia dentro de 24 a 72 horas após um destinatário abandonar o carrinho para inspirá-lo a concluir uma compra

Muitos profissionais de marketing usam uma mistura de e-mails promocionais e informativos em suas campanhas, e muitas mensagens possuem aspecto tanto promocional quanto informativo.

Por exemplo, muitos e-mails de newsletter incluem um botão CTA (call-to-action) que direciona os clientes à loja da empresa.



13 benefícios do e-mail marketing

Profissionais da área usam o e-mail marketing para gerar vendas desde 1978, quando Gary Thuerk enviou o primeiro e-mail de marketing para clientes em nome da Digital Equipment Corp. Embora ele tenha encaminhado a mensagem apenas para 400 pessoas, o e-mail gerou US$ 13 milhões em vendas para o novo produto da empresa.

Embora nem toda campanha de e-mail gere esse tipo de receita, o e-mail marketing oferece muitos benefícios. Confira treze deles a seguir.

1. Campanha de baixo custo

Historicamente, o marketing em outdoors, anúncios de televisão e pôsteres custa caro às empresas. O e-mail marketing, por outro lado, não é tão caro, pois você precisa apenas de um computador, tempo e um sistema para envio das campanhas.

Por ter um excelente custo-benefício, a receita que o e-mail marketing gera se traduz em uma margem de lucro alta.

2. Alcança um público engajado

Algumas formas de marketing (como mídias sociais e anúncios de outdoor) são direcionadas a grupos de possíveis clientes não familiarizados com a sua marca. O e-mail marketing não é um desses canais, pois as pessoas precisam se cadastrar na sua lista de contatos através do seu site.

Assim, uma vez que seus destinatários de e-mail marketing concordaram em receber suas campanhas, eles podem ser considerados um público altamente engajado e interessado na sua marca, produtos ou serviços.

Quais são os benefícios disso para você?

É mais fácil converter leads engajados em clientes, já que eles não se inscreveriam na sua lista de correio de eletrônico se não estivessem motivados para isso.

O e-mail marketing também é altamente eficaz, porque faz uso de uma plataforma com a qual as pessoas já estão engajadas.

De acordo com o Mediapost, existem cerca de 4,03 bilhões de contas de e-mail em todo o mundo, e 90,3% das pessoas usam esse recurso. E justamente por promover o engajamento por meio de uma plataforma na qual os compradores se cadastram é que os e-mails de marketing são um excelente investimento.

3. Cria campanhas personalizadas

Imagine o seguinte: você abre sua caixa de entrada e, imediatamente, vê um e-mail da Empresa A dizendo “E aí, lançamos um novo chá-preto”. Simultaneamente, você recebe um e-mail de marketing da Empresa B dizendo “E aí, fulano, lançamos um novo chá-preto”.

É mais provável que você compre da Empresa A ou da B?

De acordo com um estudo da Lifecycle Marketing com mais 7 bilhões de e-mails, a probabilidade de as pessoas abrirem um e-mail com uma linha de assunto personalizada é 50% maior contra apenas 14,1% dos não personalizados e 21,2% das mensagens contendo um nome.

E o e-mail marketing é perfeito para personalizações. Você pode enviar e-mails de marketing aos seus clientes chamando-os pelo nome, criando uma conexão pessoal e fazendo com que se sintam valorizados individualmente.

A longo prazo, essa conexão gera lealdade. Promover a fidelização do seu público é essencial para o crescimento da sua empresa, já que aumentar a retenção de clientes pode resultar em um aumento nos lucros.

4. Gera e nutre leads

Em nosso relatório de Mercado de Vendas 2020 – 2021, descobrimos que 51% dos entrevistados listaram a geração de leads e prospectos como o maior desafio para os vendedores.

Naturalmente, é importante buscar outros métodos de geração de leads, incluindo o e-mail marketing.

O e-mail marketing gera leads de alta qualidade para a sua marca, já que você pode atraí-los para a sua lista de e-mails oferecendo-lhes um ímã de leads.

Um ímã de leads é algo que você dá para um lead em troca de uma inscrição na sua lista de e-mails. Há muitas formas de conteúdo que você pode usar nesse sentido, incluindo:

  • Um e-book

  • Produtos gratuitos

  • Um teste grátis (se você vende um software ou um serviço por assinatura)

  • White papers

  • Consultorias ou conselhos gratuitos

  • Descontos e promoções

O e-mail marketing também permite atrair leads com técnicas diferentes, segmentando-os em grupos ou por regiões demográficas. A segmentação é a prática de separar sua lista de e-mails em quadrantes e enviar mensagens específicas para cada um deles.

Por exemplo, você pode segmentar a sua lista de e-mails em três grupos de clientes no Brasil, Portugal e Angola e, em seguida, abordar cada um deles com discursos específicos.

Como a segmentação ajuda a nutrir leads com uma abordagem pessoal, a probabilidade de você vender para cada lead é maior, pois você cria um relacionamento mais sólido com eles.

5. Impulsiona a geração de receita com calls-to-action

O e-mail marketing não é apenas sobre gerar e nutrir leads; a técnica também é uma excelente plataforma de fechamento de vendas.

A melhor maneira de fechar vendas por e-mail é por meio de um CTA (call-to-action). Um CTA incentiva seu público a dar o primeiro passo para a conclusão de uma compra. Os CTA são o “ponto alto” ou ”clímax” do e-mail, pois o restante do seu conteúdo deve ser construído em torno deles.

Por exemplo, se você estiver escrevendo um e-mail de aniversário, pode começar com uma saudação: “E aí, fulano, feliz aniversário!”.

Depois, você pode continuar com uma oferta: “Gostaríamos de agradecer por ter você como cliente e queremos lhe oferecer um desconto de 10% na sua próxima compra”.

E aí, então, você usa o CTA: “Clique aqui para resgatar seu cupom de 10% de desconto”.

Embora você possa incluir CTAs em outras formas de marketing, os e-mails são algo mais íntimo para fechar vendas, pois você tem um relacionamento estabelecido com o seu destinatário.

Dessa forma, 59% dos profissionais de marketing afirmam que o e-mail é a maior fonte de ROI de suas empresas, e uma mensagem tem 5x mais probabilidade de ser vista em um e-mail do que no Facebook. Então, não seria surpresa se muitos profissionais da área trocassem as redes sociais por uma estratégia de e-mail marketing se precisassem escolher entre uma.

6. Gera reconhecimento de marca

Qual é a primeira marca que lhe vem à mente quando lê “redes sociais”? Embora existam centenas de plataformas desse tipo na internet, você muito provavelmente deve ter pensado em marcas facilmente identificáveis, como Facebook ou Instagram.

Essa é a mágica do reconhecimento de marca. Você nem precisou ler “Facebook” para pensar no site.

O e-mail marketing é uma ótima maneira de gerar o reconhecimento da marca entre seus destinatários de e-mail, pois ele permite criar uma “personalidade de marca” por meio do correio eletrônico. Essa personalidade vincula sua marca a atributos importantes, como elementos visuais, tons e estilos específicos, facilitando que as pessoas a reconheçam.

E quando os clientes se lembram da sua marca, a probabilidade de escolherem um produto dela, em vez de um da concorrência, é muito maior (afinal, já estão familiarizados).

Mas como criar reconhecimento de marca usando uma estratégia de e-mail marketing? Você pode usar:

  • Defina cores, fontes e elementos de design (como cabeçalhos) em todos os e-mails

  • Um pequeno conjunto de modelos que combinam com as mensagens visuais da sua marca

  • Um estilo de linha de assunto consistente (como “E aí, fulano, gostaríamos de mostrar _______!”) ou “(nome): __________ 😊)

  • Um design consistente com o do seu site e da sua marca

  • Uma assinatura de e-mail personalizada


7. Você pode usar testes A/B para otimizar suas campanhas de marketing

Como os dados podem mostrar o que funciona e o que não funciona com seu público, as campanhas de marketing baseadas neles podem ajudar a otimizar suas promoções e maximizar seu alcance junto ao seu público.

E o e-mail marketing é uma estratégia baseada em dados, pois permite medir o sucesso dos seus e-mails com testes A/B.

Os testes A/B permitem comparar os resultados de um e-mail que utiliza uma nova estratégia com os de um antigo, tudo na mesma campanha. Essencialmente, você usa testes A/B para identificar se uma nova técnica promocional funcionará com seu público antes de integrá-la à sua estratégia comum de e-mail marketing.

Os testes A/B são perfeitos para testar:

  • Um novo modelo

  • Um novo call-to-action

  • Um novo layout

  • Novos estilos de texto

  • Um rebranding

  • Novas linhas de assunto

  • Personalizações

Os testes A/B são um benefício do e-mail marketing porque ajudam a identificar estratégias testadas e comprovadas. Eles também podem melhorar seu ROI. Uma pesquisa mostra que marcas que usam testes A/B têm um ROI acima do ROI médio de US$ 42 para cada US$ 1 gasto.


8. Permite a coleta de dados/feedback por meio de pesquisas

O e-mail marketing é um excelente meio de coletar dados, já que permite fazer perguntas para a maioria dos seus clientes leais e obter insights valiosos, como:

  • Por que eles gostam da sua marca ou produtos?

  • Por que se inscreveram na sua lista de e-mail marketing?

  • Quem são eles (idade, sexo, país, renda, profissião, interesses)?

Depois de coletar esses dados, você pode usá-los para identificar seu público-alvo e adaptar suas futuras campanhas de marketing a ele.


9. Mantém os clientes informados

O e-mail marketing ajuda você a informar seus clientes sobre eventos urgentes, pois oferece uma maneira instantânea e direta de compartilhar informações importantes para eles. Isto torna a estratégia perfeita para enviar informações sobre possíveis atrasos ou mensagens em momentos de dificuldade (como uma eventual queda do seu site).

E-mails informativos também podem fortalecer seu relacionamento com os clientes, pois podem ser usados para vincular sua marca ao bom trabalho que você faz.

Por exemplo, se a sua marca estiver participando de uma campanha de doação e conseguir arrecadar R$ 50.000, você pode compartilhar essa história de sucesso por meio de uma newsletter.

A partir daí, os assinantes da sua lista de e-mails passarão a associar você à caridade.


10. Aumenta o tráfego do seu site

Embora o e-mail marketing pareça ser um canal totalmente independente, isso nem sempre é verdade. Você pode usar e-mails para aumentar o tráfego dos seus outros canais de marketing, inclusive do seu site:

Aumentar o tráfego do seu site pode ajudar a aumentar sua receita, já que, quanto mais leads se engajarem com o seu conteúdo, maiores as chances de você fechar vendas.

Para direcionar seus leitores ao seu site com seus e-mails, tente:

  • Adicionar links naturalmente no conteúdo dos seus e-mails

  • Adicionar uma seção de “artigo em destaque” para vincular postagens relevantes

  • Adicionar links a páginas importantes (como as seções de “Perguntas frequentes” e “Fale conosco” no rodapé do seu e-mail.

  • Adicionar um link para cada produto que você mencionar

Quanto mais links de alta qualidade você incluir, mais poderá vender.


11. Campanhas fáceis de gerenciar

Gerenciar uma campanha de e-mail marketing é fácil, pois você pode planejar, executar e medir a eficiência dela usando um sistema de automatização. Muitas ferramentas de automatização de marketing permitem criar e-mails a partir de modelos, configurar testes A/B, enviar e-mails e ver os resultados em tempo real.

Programas como o Mailigen também permitem segmentar sua lista de assinantes facilmente, já que você pode classificá-los em grupos e enviar e-mails personalizados para cada um deles.

Essencialmente, isso permite automatizar suas ações de marketing sem sacrificar a qualidade.


12. Impacto instantâneo

Quando você planeja uma campanha de outdoors, leva meses para criar as artes, imprimi-las e vinculá-las. Se um evento importante chega a ocorrer durante esse tempo, é difícil conseguir fazer mudanças no outdoor.

Mas o mesmo não se aplica ao e-mail marketing, já que, nele, você pode editar seus e-mails instantaneamente, clicando em alguns botões.

Isso permite personalizar suas mensagens para acontecimentos importantes, o que ajuda a criar uma conexão maior com seus clientes e evitar o uso do tom errado na sua publicidade.

Por exemplo, vamos supor que a sua marca vende materiais escolares para pais de estudantes e você sabe que a maioria dos seus clientes está tendo aulas remotamente. Nesse caso, você pode alterar as mensagens dos seus e-mails promocionais para dar foco total em materiais para aulas à distância.


13. Resultados fáceis de medir

Com ferramentas como o Pipedrive, você pode saber como os seus assinantes reagem às suas mensagens com o rastreamento de e-mails. Isso permite obter informações importantes sobre o sucesso dos seus e-mails e utilizá-las para otimizar campanhas futuras.

Com o e-mail marketing, você pode rastrear:

  • A taxa de abertura. Quantos assinantes abriram seu e-mail

  • CTR (taxa de cliques). Quantos leitores clicaram nos links do e-mail

  • A taxa de conversão de vendas. A porcentagem de leads que fizeram uma compra após clicar no seu e-mail

  • A taxa de crescimento da lista. A taxa de crescimento da sua lista de assinantes

  • A taxa de encaminhamento. A taxa de envio dos seus e-mails para outros assinantes


Qual a diferença do e-mail marketing para outros canais de mídia?

O e-mail marketing tem o maior retorno sobre investimento entre todos os canais de marketing digital.

Mas essa não é a única maneira de comparar o e-mail marketing com outras formas de marketing digital.

Até 2024, estima-se que haverá 4,84 bilhões de usuários de e-mail. Segundo dados oficiais, o Facebook possui mais de 2,2 bilhões de usuários ativos mensais, e o Instagram, 1 bilhão. Mesmo somados, o número não chega nem perto do número de usuários de e-mails que temos hoje, e essa tendência tende a continuar.

Por isso, se você está procurando por um canal de marketing voltado para o futuro, o e-mail marketing é a sua melhor escolha.


Conclusão

Investir em uma campanha de e-mail marketing é fantástico para a sua empresa.

O e-mail marketing pode aumentar sua receita, pois ajuda você a se comunicar individualmente com seus clientes. O e-mail também é um canal versátil para campanhas de marketing, já que você pode personalizar seus e-mails, ajustá-los de acordo com eventos significativos e otimizar suas campanhas usando testes A/B.

Para concluir, o e-mail marketing proporciona um grande retorno sobre investimento e é fácil de implementar com softwares especializados. É apenas uma questão de encontrar o software certo.

O Pipedrive permite enviar e rastrear e-mails de vendas e possui integração com as principais ferramentas de marketing do mercado. Então, que tal fazer um teste grátis de 14 dias do Pipedrive e descobrir como podemos ajudar sua empresa a crescer?

Compartilhe sua opinião com nossa Comunidade

Inicie ou continue a conversa com profissionais de vendas e marketing que compartilham as mesmas opiniões em nossa Comunidade.

Junte-se à nossa Comunidade